E-commerce B2B: o que é, como funciona e como ter um de sucesso

e-commerce b2b

Que o e-commerce está crescendo cada vez mais e que a tendência é que continue assim, todos sabemos. Mas, ainda existem alguns conceitos que precisam ser esclarecidos para que você trabalhe de forma assertiva em seu negócio, como por exemplo, o e-commerce B2B. 

O mercado hoje em dia apresenta diversas formas de vendas online, desde modelo de Dropshipping e Marketplace, até diferentes tipos de e-commerce B2B e B2C.

O e-commerce B2B ou Business-to-Business vem crescendo no Brasil. De acordo com a E-consulting, empresa que elabora os índices de Business to Business a mais de 16 anos, em 2019 o negócio B2B movimentou cerca de 2,39 trilhões de reais e em 2020 o crescimento não parou.

Além disso, dados de um levantamento feito pela Mckinsey, mostram que a parcela que representa o comércio B2B aumentou em 62% no primeiro semestre de 2020. Tudo isso mostra o quanto essa modalidade vêm se mostrando como um mercado com alto potencial para empreendedores.

Apesar da constante crescente que o e-commerce vem mostrando, é normal que ainda existam algumas dúvidas e é por isso que trouxemos este conteúdo para você. 

Aqui, vamos entender o que é e-commerce B2B, como funciona, quais as vantagens e quem já usa esse modelo de negócio. Então, continue lendo para saber mais.

Boa leitura! 

O que é e-commerce B2B?

O e-commerce B2B é um modelo de negócio que basicamente trata da  venda de produtos ou contratação de serviço entre empresas. Ou seja, são atividades que envolvem duas empresas.

Por exemplo, um fornecedor de tecidos que tem como cliente uma empresa que faz roupa, tem um negócio B2B. Ou seja, ele tem uma empresa que vende para outra empresa.

Logo, é diferente do B2C que são as vendas de empresa para o consumidor final. Por isso o termo usado é Business to Business, ou B2B, numa tradução livre: “de um negócio para outro negócio”.

Como funciona o e-commerce B2B?

Como este modelo é voltado para empresas, para acessar os preços dos produtos e fazer um orçamento, é necessário inserir um login e senha.

Com isso, o cliente pode ver a tabela de preços específica para seu negócio. O pedido é enviado ao vendedor responsável. Dessa forma, o vendedor tem a chance de fazer uma ligação para negociar questões relativas a pagamento, oferecer mais produtos ou ainda fazer alterações no pedido.

Como iniciar no e-commerce B2B?

A primeira coisa que você precisa ter em mente para entender de fato o que é e-commerce B2B é saber diferenciá-lo do B2C  que, como já mencionamos, lida com negociações feitas diretamente com o consumidor final.

Isso é muito importante, pois toda a dinâmica é diferente por conta disso, os perfis são distintos e o nível de exigência também.

Portanto, a primeira grande diferença entre e-commerce B2B e B2C é no objetivo, o B2C busca o maior número de clientes possível enquanto o B2B prioriza grandes compras e uma fidelização maior.

Se para vender para um consumidor você precisa se basear no código de defesa do consumidor por exemplo, numa venda entre empresas existem outros pontos como:

  • Políticas comerciais
  • Impostos de cada segmento
  • Preço
  • Formas de pagamento
  • Centro de distribuição
  • Catálogo de produtos

Quais vantagens do e-commerce B2B?

Seja para reduzir custos de vendas, otimizar tempo para o consumidor final ou ampliar a margem de desconto, no e-commerce B2B  tudo é feito para aumentar ainda mais suas vendas. Além de permitir que tenham autonomia financeira em escala comercial. 

Listamos alguns benefícios de usar o B2B:

  • Para o representante ou revendedor, é muito mais fácil realizar seus pedidos, com uma ferramenta online 24h por dia, de qualquer lugar e de qualquer dispositivo;
  • Já para a empresa, além de aumentar a receita, será possível atingir públicos antes desconhecidos e impossibilitados de comprar desta forma. Os custos para a empresa ir atrás de um revendedor não existirão mais.

Diferenciais do B2B

Os compradores corporativos estão exigindo a mesma experiência digital que o consumidor B2C ao contratar serviços ou produtos B2B, como por exemplo: boa descrição; foto clara e de alta qualidade do produto; eventuais promoções de frete e, inclusive, depoimentos avaliativos sobre o produto.

Dessa forma, oferecer agilidade, solução, simplicidade na hora do pagamento e um canal de relacionamento personalizável, aumenta a chance da empresa consumidora continuar com o seu negócio, por exemplo.

E-commerce B2B: cases de sucesso

Quem já trabalha com o e-commerce B2B e que acompanhamos de perto toda criação, trajetória e sucesso, são as lojas virtuais Cabral e Sousa e a DAC. São e-commerces B2B que atendem todo país e que hoje já colhem os benefícios desse modelo de negócio. 

Assim, se você também quer iniciar nesse tipo de negócio e precisa de ajuda, nós temos a solução. Nós podemos te ajudar, seja para montar sua estratégia, criar seu e-commerce ou te orientar. Nossos especialistas estão prontos para fazer seu e-commerce B2B ser um sucesso.